Reconhecimento: Dia do Gari será ponto facultativo no DF

Notícias

Reconhecimento: Dia do Gari será ponto facultativo no DF

O deputado distrital Chico Vigilante garantiu o reconhecimento a todos trabalhadores da limpeza urbana do Distrito Federal. Na tarde desta terça-feira, o plenário da Câmara Legislativa derrubou o veto parcial ao projeto de lei 1097/2016, de autoria do parlamentar, que estabelece ponto facultativo à categoria nos dias 16 de maio, data em que se celebra o Dia do Gari.

Autor da proposição, o deputado Chico Vigilante comemorou a derrubada do veto. Para ele, a iniciativa é mais um reconhecimento pelo trabalho executado pelos garis. “Esta é uma vitória para a categoria. Estes homens e mulheres trabalham quase todos os dias do ano para manter a cidade limpa. O ponto facultativo do dia dedicado a eles é muito justo, tamanha importância que eles representam para a sociedade”, lembrou o parlamentar.

Ele também foi autor da proposta que criou o Dia Distrital do Gari, mas o governador Rodrigo Rollemberg vetou o artigo que previa a concessão do ponto facultativo. Após a derrubada do veto, o governo terá 48 horas para promulgação da matéria.

Na Câmara Legislativa, o parlamentar sempre atuou na linha de frente para defender os interesses da categoria. Para ele, “esse trabalho é considerado insalubre porque os garis estão expostos diariamente as condições precárias e perigosas, como o risco de contaminação com cortes de cacos de vidro e produtores ácidos”.

Histórico – O Dia do Gari é comemorado anualmente em 16 de maio, em todo o Brasil. O termo “gari” surgiu em homenagem ao francês Pedro Aleixo Gary, que ficou conhecido por ser o fundador da primeira empresa de coleta de lixo nas ruas do Rio de Janeiro, em 1976.

Desta forma, os cariocas quando queriam que as ruas fossem limpas após a passagem dos cavalos, chamavam os “garis”.

Assessoria de Comunicação

Assessoria de Comunicação

Deixe uma resposta