Salário mínimo atual representa empobrecimento dos trabalhadores, diz Vigilante

Salário mínimo atual representa empobrecimento dos trabalhadores, diz Vigilante

Foto: Reprodução/TV Web CLDF

Durante vídeo postado nas suas redes sociais (disponível também neste site), o deputado distrital Chico Vigilante (PT) reclamou do achatamento do valor do salário mínimo brasileiro nos últimos anos. Segundo avaliou o parlamentar, fixado em  1.212,00 reais, o salário mínimo atual equivale a 224 dólares. Sofreu um achatamento que representa o empobrecimento da classe trabalhadora. “Em 2011, no governo do PT, o salário mínimo no Brasil era equivalente a 326 dólares. O valor comparado com o de hoje mostra que houve perda para os brasileiros de 102 dólares  e deixa o Brasil em situação de atraso em comparação com outros países, sobretudo os da América Latina”, afirmou o distrital.

 

Vigilante lembrou que o salário mínimo no Brasil está atrás dos que são pagos, por exemplo, na Costa Rica, Uruguai, Equador, Chile, Paraguai, Bolívia, Argentina e outros países.  Apesar dessa situação de atraso, o deputado acredita que dá para mudar a situação. “Na época dos governos Lula e Dilma havia uma política de valorização do salário mínimo, que foi desconstruída. Vamos transformar essa realidade votando em pessoas que tenham compromisso com a classe trabalhadora nas próximas eleições”, enfatizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.