“OI” CORTA TELEFONES DA SAÚDE

“OI” CORTA TELEFONES DA SAÚDE

Por falta de pagamentos, a operadora de telefonia OI suspendeu parte dos serviços de voz contratados pela Secretaria de Saúde do DF.

Até agora, o corte atingiu os telefones de todos os postos de saúde, Upas e da sede do órgão na Asa Norte.

Caso a dívida de aproximadamente R$ 40 milhões não seja quitada, os serviços de telefonia podem ser suspensos em todas unidades, além do corte do fornecimento de serviços de dados, o que repercutirá no desligamento dos serviços de internet e redes e inviabilizará completamente os atendimentos à população.

A situação é gravíssima e mostra a falta de capacidade de gestão do GDF. Todos sabemos que há dinheiro em caixa.